top of page
Buscar
  • Foto do escritorPsicólogo Raul Ferreira Maldonado

Possíveis Sinais de Baixa Autoestima

Olá pessoal,

Estou trazendo para vocês, alguns possíveis sinais para os quais devemos sempre prestar especial atenção com relação a nossa autoestima e o quanto isso tem a nos revelar.


Como foi abordado no 2º encontro das LIVES sobre #Relacionamentoabusivo, (se você não viu, confere no Instagram @psicologo.raul), autoestima é uma avaliação sobre si próprio, e ela pode ser Positiva ou Negativa, e esse valor é fundamental para o bem-estar mental e físico de todos nós, já que a relação com nosso EU reflete nos outros aspectos de nossas vidas.

Entre esses possíveis sinais estão: - Medo de rejeição - Medo de se posicionar - Medo de julgamentos - Medo de assumir responsabilidades - Timidez excessiva - Perfeccionismos - Desconfianças pessoais - Desmotivação frequente - Exaltação dos próprios defeitos - Desvalorização das próprias qualidades - Cobranças excessivas - Ansiedades - Tristezas - Desânimo - Comparações - Indulgência para com os outros - Valorização excessiva a qualidades alheias - Depreciação dos próprios atos - Entre outros... Claro que muitas e muitos de vocês podem acabar se identificando com algumas dessas colocações, até porque é natural que essas situações aconteçam com qualquer ser humano. A intenção deste post é gerar uma reflexão para quando estes aspectos são constantes, e

causadores de inibição e sofrimento. Nestes casos, a autoaceitação e a autoconfiança são fatores que juntamente das competências sociais e redes de apoio que devem ser trabalhados para gerar um fortalecimento do sentimento de si, a autoestima. Por isso é muito importante estarmos sempre atentos para nossas emoções, necessidades, tanto físicas quanto psicológicas, sentimentos e sensações e aceita-las e assumir o valor delas sobre nós.

Diante disso, a psicanálise pode ajudar!

A partir do processo analítico, o sujeito pode se haver de novas elaborações e ressignificações dos seus conteúdos, e portanto explorar novas perspectivas e abordagens sobre sua vida e relacionamentos, promovendo um movimento em busca de um bem-estar.


Muitas vezes, o foco é tanto nas relações interpessoais, que alguns aspectos pessoais acabam ficando um pouco de lado.


Mas e pra você? Quando foi a última vez que se questionou sobre como anda sua relação consigo?


Psicólogo Raul Ferreira Maldonado

CRP - 08/31575









Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page